Um total de 6,706 criancas e jovens estavam, em 2020, em instituições de acolhimento, em Portugal.

Segundo o Observador “O mau trato psicológico esta presente em 10% das situacoes”. “Foram detectadas 15,403 situações de perigo que levaram a aplicacao de uma medida de protecção.” Em 2020, a maioria das 2022 criancas e jovens que entraram em acolhimento eram dos distritos de Lisboa, Porto e Aveiro.

6706 crianças acolhidos em 2020 | iolanda Menino

Um total de 6706 criancas e jovens estavam, em 2020, em instituições de acolhimento residencial e famílias como medida de protecção, das quais 2022 deram entrada nesse ano, segundo relatório do Instituto de Segurança Social. O mesmo estudo diz que a pandemia teve um impacto em termos de saúde mental em 60 por cento dos acolhidos, com especial ênfase nos adolescentes.

O que eu entendo sobre este assunto? “6706 crianças acolhidos em 2020”

Considero alarmante este número – quase sete mil crianças acolhidos em instituiçōes. Desejo que estas crianças encontrem paz junto das suas famílias. E espero ainda, que estas crianças nao sejam colocadas para adopção no caso de serem bebés e terem família.

Partilho esta notícia publicada no Observador porque diz respeito a crianças e em concreto retiradas de crianças.

Para leitura do artigo completo de Paulo Novais da Lusa pode clicar aqui para ler.

Proponha um artigo para ser publicado:

iolandamenino.email@gmail.com

 

PARTILHE

1 thought on “6706 crianças acolhidos em instituiçōes em 2020, em Portugal”

  1. Quando é que isto termina?
    Como se pode ganhar dinheiro honestamente,em serem famílias de acolhimento?
    Como se pode ganhar dinheiro com crianças?
    Como se pode ser feliz em adotar crianças com famílias biológicas?
    Sou contra adoção de crianças.
    Desejo que o nosso Santiago,um dia venha a saber a sua verdadeira história.
    Sim o nosso Santiago tem família biológica que o ama e sempre o vai amar .
    Deus te proteja sempre Santiago.

    Tua avó
    Paula Correia

    1
    0

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

EnglishPortugueseFrenchGermanPolishSpanish
0

Your Cart